Polícia

Polícia Civil continua investigações sobre homem morto na frente da família em chácara da Capital

A Polícia Civil está investigando o assassinato de Roberto Guimarães Leonel, 39 anos, morto na frente dos três filhos e da mulher. O crime aconteceu na última quinta-feira (13), em uma chácara na região do Jardim Tijuca, em Campo Grande. De acordo com o delegado Fernando Pacciello Júnior, da 6ª DP de Campo Grande, a […]

Arquivo Publicado em 21/02/2014, às 18h21

None

A Polícia Civil está investigando o assassinato de Roberto Guimarães Leonel, 39 anos, morto na frente dos três filhos e da mulher. O crime aconteceu na última quinta-feira (13), em uma chácara na região do Jardim Tijuca, em Campo Grande.


De acordo com o delegado Fernando Pacciello Júnior, da 6ª DP de Campo Grande, a polícia já começou as investigações, mas ainda não há pistas dos suspeitos. “Já fizemos oitivas das testemunhas e vamos prosseguir as investigações”, afirmou o delegado.


No dia do crime, Leonel, estava na sala da chácara com a mulher de 29 anos, os três filhos e o cunhado, quando dois homens usando casacos e armados invadiram o local.


Depois do assassinato, os suspeitos pularam o muro da chácara e fugiram.  A mulher colocou o marido no carro e o levou até o posto de saúde do bairro Coophavila. No entanto, o homem já havia morrido quando chegou ao local.

Jornal Midiamax