Polícia

Homem é preso em flagrante por violência doméstica e tem fiança arbitrada em R$ 5 mil

O auxiliar de serviços gerais, Roby Moreira Mendoza, o “Corumbá”, de 22 anos, foi preso em flagrante na madrugada desta terça-feira (3), pelo crime de violência doméstica. O fato aconteceu às 4h30, em frente do imóvel da Rua Sejusmundo Tavares Santana, no Parque do Lageado, a nordeste de Campo Grande. O suspeito foi denunciado pela […]

Arquivo Publicado em 03/06/2014, às 10h33

None

O auxiliar de serviços gerais, Roby Moreira Mendoza, o “Corumbá”, de 22 anos, foi preso em flagrante na madrugada desta terça-feira (3), pelo crime de violência doméstica. O fato aconteceu às 4h30, em frente do imóvel da Rua Sejusmundo Tavares Santana, no Parque do Lageado, a nordeste de Campo Grande.


O suspeito foi denunciado pela companheira de 24 anos, que é comerciante. Ele teria chegado a casa já irritado e começou a xingar a vítima, que se trancou no imóvel e não o deixou entrar. Com isso, ele passou a ameaçá-la de morte.


Além da vítima, os vizinhos também ligaram para 190 do Ciops (Centro Integrado de Operações de Segurança) denunciando a situação. Os policiais militares foram ao local e detiveram Roby em flagrante.


Ele foi encaminhado para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Bairro Piratininga, região sul de Campo Grande. A vítima também foi levada para a unidade policial, onde prestou depoimento ao delegado plantonista Gustavo Ferraris.


Em depoimento, a mulher contou que já foi agredida pelo companheiro por diversas vezes, porém que nunca havia prestado queixa, pois acreditava na mudança dele, porém as agressões e ameaças só têm aumentado e piorado.


Com isso, o delegado arbitrou uma fiança de sete salários mínimos para Roby, o que é equivalente a R$ 5.068,00. Mediante pagamento, ele poderá ser liberado.

Jornal Midiamax