Polícia

Desafiada, polícia espera identificar pichadores até a próxima semana

Até a próxima semana, os autores de pichações em monumentos históricos e em imóveis, notadamente no centro da cidade deverão estar identificados e indiciados pela polícia. Pelo menos é isso que espera o delegado Antônio Silvano Mota, de Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Ambientais e Proteção ao Turista (Decat). Segundo o delegado o trabalho […]

Arquivo Publicado em 07/02/2014, às 13h03

None

Até a próxima semana, os autores de pichações em monumentos históricos e em imóveis, notadamente no centro da cidade deverão estar identificados e indiciados pela polícia.


Pelo menos é isso que espera o delegado Antônio Silvano Mota, de Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Ambientais e Proteção ao Turista (Decat).


Segundo o delegado o trabalho de investigação está avançado e como o “Modus Operandi” (forma de agir) dos pichadores têm a mesma característica, o trabalho fica restrito e um determinado grupo, sendo facilitada a identificação.


A palavra “Xarada”,pintada no Obelisco,na Avenida Afonso Pena e os pontos de interrogação espalhados por diversos pontos da cidade foram pintados com a mesma cor e isso pode comprovar que apenas uma pessoa ou integrantes de um mesmo grupo sejam os responsáveis .


Apesar de já estar com os autores praticamente identificados, o delegado pede ainda a colaboração da população e quem tiver alguma indicação de suspeitos pode se comunicar diretamente com a delegacia.


Assim que os responsáveis pelas pichações estiverem identificados, aqueles que se sentirem prejudicados poderão acioná-los judicialmente para serem ressarcidos com os gastos de uma nova pintura e até mesmo por danos morais. Se forem menores,os responsáveis legais responderão.


A pena, em caso de condenação varia de três meses a um ano em regime aberto.

Jornal Midiamax