Polícia

Casal morto na Bororó é identificado pela polícia

O casal de indígenas encontrado morto hoje pela manhã na casa de número 280 na aldeia Bororó, em Dourados, foi identificado pela Polícia Civil como Eladio Daniel Nunes, 42, e Maricleide Isnarde Batista, 39. De acordo com o que foi apurado pela polícia até o momento, Maricleide foi morta com duas pancadas na cabeça, e […]

Arquivo Publicado em 09/03/2014, às 15h38

None
35659160.jpg

O casal de indígenas encontrado morto hoje pela manhã na casa de número 280 na aldeia Bororó, em Dourados, foi identificado pela Polícia Civil como Eladio Daniel Nunes, 42, e Maricleide Isnarde Batista, 39.


De acordo com o que foi apurado pela polícia até o momento, Maricleide foi morta com duas pancadas na cabeça, e estava dentro da casa. O corpo dela estava em avançado estado de decomposição.


Já Nunes estava fora da residência, e também teria morrido por causa de uma pancada que levou na cabeça. Os corpos foram encaminhados para o IML (Instituto Médico Legal).


Segundo a polícia, moradores da aldeia disseram que na quinta e sexta-feira os indígenas estavam na companhia de outro casal ainda não identificado consumindo bebidas alcoólicas, e que isso poderia ter motivado uma discussão e, consequentemente, as mortes. O caso está sendo investigado.

Jornal Midiamax