Polícia

Polícia procura estelionatária de Campo Grande que aplicou golpes em todo o país

Com escritório de fachada na rua Antônio Maria Coelho, centro da Capital, mulher oferecia eletrônicos que jamais seriam entregues às vítimas.

Arquivo Publicado em 19/02/2013, às 17h24

None
510056881.jpg

Com escritório de fachada na rua Antônio Maria Coelho, centro da Capital, mulher oferecia eletrônicos que jamais seriam entregues às vítimas.

A empresa tinha como sede a rua Antônio Maria Coelho, n° 1.138, região central de Campo Grande. Na sala 01, ocorria o atendimento do site www.souzatel.com.br, onde a suposta empresária Andréia Aparecida de Souza Carlos, 32 anos, estava ‘vendendo horrores’. Clientes de todo o país fizeram pedidos dos seus eletrônicos. Eles só não sabiam que se tratava de um golpe de estelionato e que jamais receberiam as encomendas.


“Estamos fazendo o levantamento ainda, mas ao menos já contabilizamos 15 vítimas de Campo Grande, São Paulo e interior, Rio de Janeiro e Foz do Iguaçu (PR), entre outros”, afirma o delegado Wellington de Oliveira, responsável pelas investigações. Além do inquérito policial aberto na 1ª Delegacia de polícia, outras ocorrências estão sendo investigadas em outras cidades do país.


Sem desconfianças em um primeiro momento, a empresa possuía cadastro jurídico, telefone fixo e para atendimento on line, razão social (AA de Souza Carlos ME) e inclusive emitia boletos bancários a quem tivesse interesse em comprar notebooks, tablets, máquinas fotográficas, data show e diversos outros aparelhos eletrônicos.


Uma das vítimas de Foz do Iguaçu, E. dos S., 34 anos, entrou em contato por meio dos telefones (67) 3042 – 8828 e (67) 3381 – 6777 e fez o pedido de um computador portátil, no dia 13 de maio de 2012. A ele foi emitido um boleto do Banco do Brasil no valor de R$ 785,40. Após pagar, a vítima aguardou em vão o recebimento do seu produto.


Por diversas vezes, ele entrou em contato com a empresa, que posteriormente ‘tirou do ar’ o seu site. Da mesma maneira, mas residindo no Rio de Janeiro, caiu no golpe o jovem G.E.B. da S., 22 anos. Ele ligou no dia 17 de maio e fez o pedido de um notebook no valor de R$ 1.799,10, sob a promessa de que receberia o produto em 15 dias.


Após pagar o boleto, a vítima conta que ligou por diversas vezes e não obteve retorno. Ele então decidiu pesquisar no site reclame aqui e relatou a polícia que encontrou diversas reclamações sobre a empresa Souzatel.

Polícia acredita que estelionatária esteja fazendo novas vítimas


“Mesmo com o site fora do ar, nós acreditamos que ela esteja se utilizando de outro comércio, com outro nome, para fazer ainda mais vítimas. Então contamos com a colaboração da população para prender a estelionatária Andréia Aparecida”, diz ao Midiamax o delegado Oliveira.


Quem souber informações pode entrar em contato com a 1ª Delegacia de Polícia, por meio do telefone: 3312 – 5735.

Jornal Midiamax