Polícia

Policia prende jovens por tráfico de drogas e adulteração de motocicleta no interior do MS

Em rondas realizadas na madrugada desta terça-feira (05), por volta das 0h30, a Polícia Militar de Anastácio prendeu dois rapazes, um de 28 anos e outro de 21, por tráfico de entorpecentes e adulteração de motocicleta. A ação aconteceu no bairro Atos da Cidade, no município de Anastácio. De acordo com a polícia, eles realizaram uma […]

Arquivo Publicado em 06/11/2013, às 12h49

None

Em rondas realizadas na madrugada desta terça-feira (05), por volta das 0h30, a Polícia Militar de Anastácio prendeu dois rapazes, um de 28 anos e outro de 21, por tráfico de entorpecentes e adulteração de motocicleta. A ação aconteceu no bairro Atos da Cidade, no município de Anastácio.


De acordo com a polícia, eles realizaram uma abordagem em um condutor de motocicleta, uma Honda CG. Na checagem no sistema, os PMs constataram que a motocicleta não estava cadastrada no Detran e tinha o lacre da placa rompido, número do motor não legível e chassi adulterado.


O jovem de 28 anos, condutor da motocicleta, não apresentou a CNH e nem os documentos do veículo. Na companhia dele estava outro homem, de 21 anos, condutor de uma motocicleta Honda Hornet 600, com placa de Balneário Camboriu, em Santa Catarina.


De início, o jovem foi liberado, pois não foi constatado nada a seu desfavor e nem da  motocicleta. Mas, por volta das 8 horas, o rapaz 21 anos compareceu na delegacia de Anastácio disposto a pagar a fiança para o amigo, estipulada no valor de R$ 2 mil; o que levou a policia a suspeitar da atitude.


Ele estava sem a motocicleta, justificando que o proprietário havia a levado. Em ronda, os PMs localizaram a motocicleta Hornet no pátio de um hotel onde estavam hospedados. No quarto, foram localizados 20 gramas de cocaína, num pacote escondido em cima do guarda-roupa. Outra evidência de tráfico de drogas foi encontrada com o primeiro jovem, que possuía uma caderneta contendo vários nomes de pessoas e seus respectivos números de telefone.


Diante dos fatos, o jovem de 21 anos também recebeu voz de prisão por tráfico de drogas. O jovem de 28 anos, além da adulteração de veículo, também será investigado pela participação no tráfico de drogas. As duas motocicletas ficaram à disposição da Polícia Civil, para as devidas investigações.

Jornal Midiamax