Polícia

Polícia deflagra operação para prender ‘chefões’ do tráfico em Campo Grande

A polícia aprendeu drogas, equipamentos eletrônicos, como notebook e monitor de computador, e uma boa soma de dinheiro.

Arquivo Publicado em 26/03/2013, às 11h54

None
366514505.jpg

A polícia aprendeu drogas, equipamentos eletrônicos, como notebook e monitor de computador, e uma boa soma de dinheiro.

Policiais civis da 4ª, 5ª e 6ª Delegacia de polícia de Campo Grande deflagraram, na manhã desta terça-feira (26), por a Operação “Boca Fechada”. O objetivo é prender os principais ‘chefões’ do tráfico de drogas da região sul de Campo Grande. Foram expedidos quatro mandados de prisão e 10 de busca e apreensão.


A operação teve início às 6 horas, e até o momento, três foram presos. Willian Sigmatti, 21 anos, Rogério José de Souza, 21 anos e Marcos de Souza. A polícia aprendeu drogas, equipamentos eletrônicos, como notebook e monitor de computador, e uma boa soma de dinheiro.


Os mandados estão sendo cumpridos por oito equipes nos bairros Leblon, Los Angeles, Nova Esperança, Aero Rancho e Vila Nhanhá. A expectativa é que outros envolvidos no tráfico sejam presos. O delegado Fernando Nogueira, da 5ª DP, ressalta que o tráfico de drogas é o principal motivo de furtos, roubos e assassinatos, e somente o combate ao trafico, fará reduzir outros crimes.


“A polícia vai intensificar cada vez mais as investigações e evitar que outros crimes aconteçam”, diz. Dias antes de deflagrar a operação, a polícia prendeu Juliano César Vieira da Silva, apontado também como um dos ‘chefes’ do tráfico. Ele já está no Presídio de Segurança Máxima.

Jornal Midiamax