Polícia

Polícia abre novo inquérito para apurar ‘caso Braian’

A Polícia Civil encerrou na quarta-feira (30), o inquérito sobre a morte do menino Braian de Souza Silva, de um ano e oito meses, morto no dia 21 de outubro no Jardim Colibri em Dourados – distante a 225 km de Campo Grande. O padrasto, Davidson Correia dos Santos, 25, acusado pelo crime, foi indiciado […]

Arquivo Publicado em 01/11/2013, às 10h38

None

A Polícia Civil encerrou na quarta-feira (30), o inquérito sobre a morte do menino Braian de Souza Silva, de um ano e oito meses, morto no dia 21 de outubro no Jardim Colibri em Dourados – distante a 225 km de Campo Grande.


O padrasto, Davidson Correia dos Santos, 25, acusado pelo crime, foi indiciado por homicídio duplamente qualificado – por motivos fúteis e sem oferecer defesa à vítima.


Agora, o delegado do 2º Distrito Policial de Dourados, Edmar Batistela, começa as investigações para apurar denúncias de torturas anteriores contra a criança.


Durante depoimento de familiares da vítima, imagens de Braian internado com vários hematomas foram apresentadas ao responsável pelo caso.


O novo inquérito deve ser concluído nos próximos dias. Já Davidson continua preso em uma das celas da Phac (Penitenciária de Segurança Máxima Harry Amorim Costa).

Jornal Midiamax