Polícia

Após negociação com a polícia, manifestantes desocupam área externa da sede da CBF

Rio de Janeiro – Cerca de 40 integrantes da Frente Nacional dos Torcedores ocuparam na manhã de hoje (30) a nova sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio. A ação foi pacífica e os manifestantes ficaram na área externa do prédio. Policiais militares foram chamados e, após […]

Arquivo Publicado em 30/06/2013, às 16h13

None

Rio de Janeiro – Cerca de 40 integrantes da Frente Nacional dos Torcedores ocuparam na manhã de hoje (30) a nova sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio. A ação foi pacífica e os manifestantes ficaram na área externa do prédio. Policiais militares foram chamados e, após uma negociação, os manifestantes se retiraram do local.


O movimento exige mudanças no comando da CBF e na organização da Copa do Mundo de 2014. O grupo também reivindica a aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 202/2012, que visa à regulamentação desportiva.


Em comunicado à imprensa, a Frente Nacional dos Torcedores se define como “um movimento que luta por um futebol justo, democrático e popular”. De acordo com o grupo, o futebol brasileiro vivencia um processo de “elitização teatral, com os estádios populares transformados em arenas elitistas”.


Além de condenar os preços dos ingressos e a Lei Geral da Copa e de apontar denúncias de corrupção na CBF, o grupo defende um novo Estatuto do Torcedor, a ser elaborado com a participação direta da população.

Jornal Midiamax