Polícia

Traficante é preso escondendo dinheiro e droga dentro de Bíblia

Neste domingo (01), por volta das 17h50min, Marcelo Campos Carvalho, 26 anos, foi preso por Policiais Militares, por tráfico de drogas na Rua Manoel Ferreira Duque, Jardim Progresso, em Três Lagoas (MS). Após denúncias anônimas de que uma residência funcionava como ponto de venda de drogas, agentes da ALI (Agência Local de Inteligência) realizaram monitoramento do […]

Arquivo Publicado em 02/01/2012, às 14h35

None

Neste domingo (01), por volta das 17h50min, Marcelo Campos Carvalho, 26 anos, foi preso por Policiais Militares, por tráfico de drogasna Rua Manoel Ferreira Duque, Jardim Progresso, em Três Lagoas (MS).


Após denúncias anônimas de que uma residência funcionava como ponto de venda de drogas, agentes da ALI (Agência Local de Inteligência) realizaram monitoramento do local e puderam constatar a veracidade das informações.


Policiais militares observaram quando um indivíduo, conhecido por ser usuário de drogas, entrou na residência. Após a saída do indivíduo, ele foi abordado pelos agentes que encontraram no bolso de sua bermuda uma “paradinha” de crack.


Foi solicitado o apoio da ROTAI (Rondas Ostensivas e Táticas do Interior) para realizar busca na residência, onde com a chegada dos policiais, Marcelo Campos Carvalho, 26 anos, empreendeu fuga pulando vários muros. Ele foi detido no quintal de uma casa na Rua Goiás.


Os policiais retornaram com Carvalho à sua residência, onde em busca domiciliar, encontraram certa quantia em dinheiro escondida dentro de uma Bíblia, bem como um invólucro semelhante ao encontrado com o usuário.


Foi observado que no quintal da residência havia uma parte de terra remexida, sendo que os policiais indagaram Carvalho e ele confessou que ali havia entorpecente enterrado, bem como havia outra quantia de droga escondida no telhado da casa.Foram desenterrados 05 tabletes de maconha e do telhado da casa recuperados 21 invólucros de crack, uma pedra da mesma droga e 10,6g de cocaína.


Carvallho, que já possui passagem por tráfico, foi conduzido à DEPAC (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) para as providências necessárias.

Jornal Midiamax