Polícia

Seis foram presos durante operação para capturar homens ligados a facções criminosas

Seis homens, com a suspeita de estarem ligados a uma facção criminosa que atua dentro e fora dos presídios, foram presos em Três Lagoas, cidade distante a 338 quilômetros da Capital, na última quinta-feira (19). Foram os policiais civis da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) que deflagraram a operação denominada “MP Criminal”, com o intuito […]

Arquivo Publicado em 21/07/2012, às 10h54

None

Seis homens, com a suspeita de estarem ligados a uma facção criminosa que atua dentro e fora dos presídios, foram presos em Três Lagoas, cidade distante a 338 quilômetros da Capital, na última quinta-feira (19).


Foram os policiais civis da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) que deflagraram a operação denominada “MP Criminal”, com o intuito de diminuir a criminalidade na região e, de acordo com o delegado regional de Três Lagoas, Vitor José Fernandes Lopes, quanto aos crimes de roubo e homicídio, houve uma redução de cerca de 70%, em comparação com o mesmo período de 2011.


Com passagens por lesão corporal, tráfico de drogas, ameaça e desacato, Valdetonia Taveira Lima, 39 anos, vulgo Barcelona, foi o primeiro a ser preso. Os outros nomes são: Gabriel Ferreira Cardoso, 22 anos, vulgo Niel, com passagens por tráfico de drogas, furto e roubo.


Daniel Bento Vieira, 49 anos, com passagens por tráfico de drogas, lesão corporal dolosa e ameaça; Benedita Policena da Silva Vieira, 66 anos, com passagens por tráfico de drogas e ameaça.


Renan Fernandes de Souza Alcantara Inácio, 23 anos, vulgo Renanzinho, com passagens por estelionato, formação de quadrilha, desobediência e tráfico de droga; Sidnei de Souza da Silva, 34 anos, com passagem por posse ilegal de arma de fogo.

Jornal Midiamax