Polícia

Policiais civis decidem parar o atendimento nas delegacias do estado

Policiais Civis rejeitaram a contraproposta do governo de 9.15% e decidiram paralisar o atendimento nas delegacias por 24 horas a partir desta quinta-feira (19). De acordo com o presidente do Sinpol/MS, Alexandre Barbosa da Silva, a paralisação incluirá as delegacias do interior de Mato Grosso do Sul. A decisão foi deliberada na noite desta quarta-feira […]

Arquivo Publicado em 19/04/2012, às 02h04

None

Policiais Civis rejeitaram a contraproposta do governo de 9.15% e decidiram paralisar o atendimento nas delegacias por 24 horas a partir desta quinta-feira (19). De acordo com o presidente do Sinpol/MS, Alexandre Barbosa da Silva, a paralisação incluirá as delegacias do interior de Mato Grosso do Sul.


A decisão foi deliberada na noite desta quarta-feira (18), durante assembleia realizada na sede do Sinpol e apesar da forte chuva, cerca de 500 policiais civis estavam presentes.


“Com a paralisação vamos mostrar para o governo do estado e para a sociedade a importância do trabalho da polícia civil. Não vamos mais aceitar ser tratados com descaso. Exigimos respeito e um salário digno”, declarou Barbosa.


Os policiais civis de Mato Grosso do Sul recebem o pior salário do Centro-Oeste e está em 20º no ranking de pior salário do Brasil.


A categoria reivindica um aumento de 25% ao ano até 2014, para que o salário do policial civil em início de carreira passe de R$ 2.140,00 para R$ 4.000, diminuindo assim, a defasagem entre Mato Grosso do Sul e os demais estados da federação.

Jornal Midiamax