Polícia

Polícia prende homem com 52 kg de maconha na rodoviária de Campo Grande

Policiais Militares do 10º Batalhão prenderam neste sábado (28), por volta das 11h30, Nelson A. da S. F., 18, com 52 quilos de maconha, na rodoviária de Campo Grande. De acordo com informações da polícia, ele teria adquirido a droga em Ponta Porã, na região de fronteira e levaria a encomenda para Cuiabá. Durante revista […]

Arquivo Publicado em 28/07/2012, às 19h34

None
665585108.jpg

Policiais Militares do 10º Batalhão prenderam neste sábado (28), por volta das 11h30, Nelson A. da S. F., 18, com 52 quilos de maconha, na rodoviária de Campo Grande. De acordo com informações da polícia, ele teria adquirido a droga em Ponta Porã, na região de fronteira e levaria a encomenda para Cuiabá. Durante revista em sua bagagem, Nelson recebeu duas mensagens por celular da mãe dele.

Os policiais informaram que durante fiscalização de rotina em um bagageiro de ônibus da Viação Helios, de itinerátrio Carazinho – Aripuanã, foram encontradas três caixas de papelão que estavam muito pesadas e com cheiro análogo a maconha. Pelos ticketes de bagagem, foi localizado o proprietário, que confirmou ser dono das caixas.

Ao abrirem, os policiais encontraram um pacote de café em cada caixa e 53 tabletes de maconha, pesando aproximadamente 52 quilos da droga. Nelson disse a polícia que mora em Dourados e que foi até Ponta Porã, há cerca de 15 dias atrás, onde comprou na linha internacional a maconha, por R$ 500. Depois foi para sua casa em Dourados e guardou a droga em um terreno baldio, até a data da viagem. Nelson disse que levaria a droga para vender em Cuiabá, mas não sabia para quem e que depois passaria na cidade de Campo Novo-MT.

Ele disse à polícia que transportava a droga por necessidade financeira. Durante a abordagem, ele recebeu duas mensagens de sua mãe, nas quais estavam escritas “Filho acorda, vem limpar o quintal” e depois “Aonde você está, vem almoçar”, o que chamou a atenção dos policiais. Nelson justificou dizendo que sua mãe não sabe onde ele está. Ele foi preso e encaminhado, junto com a droga, para a Denar (Delegacia Repressão ao Narcotráfico) e posteriormente, encaminhado a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento) Piratininga.

Jornal Midiamax