Polícia

Polícia Federal terá mais tempo para investigar Banco Cruzeiro do Sul

O Banco Central (BC) prorrogou por 120 dias o prazo para a conclusão do inquérito instaurado noBanco Cruzeiro do Sul e empresas do grupo. A informação foi publicada na edição de hoje (29) do Diário Oficial da União. O banco designou o servidor Paulo Cesar Fernandes da Silva para ser o relator do inquérito. No […]

Arquivo Publicado em 29/10/2012, às 11h50

None

O Banco Central (BC) prorrogou por 120 dias o prazo para a conclusão do inquérito instaurado noBanco Cruzeiro do Sul e empresas do grupo. A informação foi publicada na edição de hoje (29) do Diário Oficial da União. O banco designou o servidor Paulo Cesar Fernandes da Silva para ser o relator do inquérito.

No dia 14 de setembro, o BC determinou a liquidação extrajudicial do Banco Cruzeiro do Sul, após processo de intervenção, e determinou o afastamento da família Índio da Costa do controle do banco.
Em junho deste ano, a Polícia Federal em São Paulo, abriu inquérito para apurar possíveis fraudes contábeis realizadas pelo Banco Cruzeiro do Sul. A polícia investiga crimes contra o sistema financeiro, crimes contra o mercado de capitais e lavagem de dinheiro.
Jornal Midiamax