Polícia

Polícia de MS atende chamado de suposto caso de ritual de magia negra

Na madrugada desta quarta-feira (18), por volta das 4 horas, a Polícia Militar foi acionada a comparecer na Viela Alzira Otonni da Silva, no Centro de Três Lagoas. A ocorrência dizia respeito a K.S de 45 anos, que informou ter sido acordada pelo o filho que chegava em casa e relatou que, em seu portão, […]

Arquivo Publicado em 18/01/2012, às 23h01

None

Na madrugada desta quarta-feira (18), por volta das 4 horas, a Polícia Militar foi acionada a comparecer na Viela Alzira Otonni da Silva, no Centro de Três Lagoas.

A ocorrência dizia respeito a K.S de 45 anos, que informou ter sido acordada pelo o filho que chegava em casa e relatou que, em seu portão, havia um ritual de ‘magia negra’. Tratava-se de um carneiro morto com as patas decepadas e pendurado no portão.

Segundo os moradores daquela região, esse seria o primeiro caso naquelas imediações. A moradora chegou a dizer à polícia: “Não tenho desentendimento com ninguém e não sei se é uma brincadeira de mau gosto”.

A polícia deve investigar o caso, mas de acordo com a experiência registrada em casos envolvendo ‘rituais de magia negra’, as características do acontecimento não se encaixam em rituais que geralmente envolvem o uso de símbolos, velas, armas, bebidas e comida.

Jornal Midiamax