Polícia

Manifestação de professores e estudantes da Uerj acaba em confronto com policiais militares

Professores, alunos e servidores da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) provocaram uma grande confusão no trânsito nas vias em torno do campus da universidade, na tarde de hoje (23). Eles saíram em passeata pelas ruas do bairro do Maracanã, na zona norte, bloqueando as pistas da Avenida Radial Oeste e da Rua […]

Arquivo Publicado em 24/08/2012, às 01h30

None

Professores, alunos e servidores da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) provocaram uma grande confusão no trânsito nas vias em torno do campus da universidade, na tarde de hoje (23). Eles saíram em passeata pelas ruas do bairro do Maracanã, na zona norte, bloqueando as pistas da Avenida Radial Oeste e da Rua São Francisco Xavier.


Com a chegada do Batalhão de Choque da Polícia Militar (PM), houve confronto depois que estudantes queimaram pneus nas vias. A PM informou, por meio de nota, “que a unidade de elite da corporação lançou uma bomba de efeito moral para dispersar o grupo, depois que estudantes depredaram um caixa eletrônico instalado no terreno da universidade”.


A manifestação provocou um grande engarrafamento no trânsito, prejudicando a volta para casa de milhares de pessoas que trabalham no centro da cidade e moram na zona norte.


Os professores da Uerj estão em greve desde o dia 11 de junho e reclamam da intransigência do governo estadual em abrir um canal de negociação. Eles reivindicam reajuste de 22% para recompor as perdas salariais dos últimos seis anos.


Jornal Midiamax