Polícia

Homem que efetuou roubos de veículos morre em tiroteio com a polícia

O suspeito estava em frente a uma residência quando entrou e disparou quatro vezes contra os homens da Cigcoe

Arquivo Publicado em 25/04/2012, às 13h30

None

O suspeito estava em frente a uma residência quando entrou e disparou quatro vezes contra os homens da Cigcoe

Policiais da Cigcoe (Companhia Independente de Gerenciamento de Crises e Operações Especiais), minutos após receber informações de roubo de um Fiat Uno no bairro Tiradentes, na madrugada desta quarta-feira (25), encontraram o bandido com o veículo na avenida Coronel Antonino. Houve troca de tiros com a polícia e o homem foi atingido.


Ao perceber a viatura em acompanhamento tático, os militares contam que Nelson avançou por diversas vezes o sinal vermelho, colocando em risco a vida de outras pessoas. No bairro onde a vítima reside, na rua Dona Julia Serra, bairro Vila Nasser, o condutor estava em frente a uma residência quando entrou e disparou quatro vezes contra os homens da Cigcoe.


Houve troca de tiros e Nelson foi atingido. Ele foi conduzido para a Santa Casa, por volta das 3h e faleceu logo depois. O ladrão já possuía passagens policiais por tráfico de drogas e estava foragido da Colônia Penal desde o dia 23 de janeiro deste ano.



Apontado por diversas denúncias anônimas, Nelson Kreittlow, 22 anos, vulgo Alemão da Vila Nasser, seria o mesmo que teria roubado uma F250 no dia anterior, no bairro Coophasul, utilizando de muita violência na ação juntamente com um comparsa.

Outro roubo


Na madrugada de ontem (24), Nelson e um comparsa teriam abordado a vítima, G.N.V., 52 anos, no momento em que chegava a sua residência. Os homens fugiram em sentido ao bairro José Abrão e encontraram defronte com a polícia na BR 060. Houve perseguição por cerca de dez quilômetros e trocas de tiros.


O homem abandonou o veículo e adentrou o matagal. Os policiais conseguiram recuperar a caminhonete, que ficou com marcas de tiros na carroceria, vidro e porta traseira e a devolveram ao dono. O comparsa de Alemão neste roubo continua foragido.

Jornal Midiamax