Polícia

Homem invade casa de familiares, aponta pistola para a polícia e morre após levar tiros

Após discutir e agredir os familiares, além de tentar incendiar a casa da mãe, um homem se escondeu em outra residência no bairro Portal Caiobá e apontou uma pistola em direção aos policiais. Ele levou tiros e morreu no HU (Hospital Universitário). Segundo a Polícia Civil, Thiago Ferreira Soto, 24 anos, conhecido como “Bagre”, foi […]

Arquivo Publicado em 15/06/2012, às 11h48

None

Após discutir e agredir os familiares, além de tentar incendiar a casa da mãe, um homem se escondeu em outra residência no bairro Portal Caiobá e apontou uma pistola em direção aos policiais. Ele levou tiros e morreu no HU (Hospital Universitário).


Segundo a Polícia Civil, Thiago Ferreira Soto, 24 anos, conhecido como “Bagre”, foi a residência da mãe e do irmão, na rua Cassandra, na noite de ontem (14) e brigou com os familiares, além de tentar incendiar o local.


No mesmo bairro, na rua Midas, ele foi até a casa de outro irmão e o teria ameaçado de morte com uma pistola 635. A esposa do irmão de Thiago então acionou a polícia, mas quando os homens do 10° BPM (Batalhão da Polícia Militar) chegaram na casa ele já tinha ido embora.


Em diligências, testemunhas disseram que Thiago estaria na casa de uma conhecida na rua Gaia, ainda no bairro Portal Caiobá. Ao chegar ao local, a mulher, que seria dona de uma conveniência, disse que o homem estaria lá e que ele tinha pedido para ‘passar a noite porque não estaria bem’.


Os policiais então adentraram ao local. Eles escutaram um barulho nos fundos da casa e verificaram que Bagre estava escondido atrás de uma sapateira. Thiago pegou a pistola na sapateira e apontou para a guarnição, momento em que levou dois tiros. Ele foi socorrido e encaminhado ao HU, mas não resistiu aos ferimentos e morreu logo depois.


Thiago possuía passagens por duas Tentativas de Homicídio, Homicídio, Porte Ilegal de Arma de Fogo, Violência Doméstica e Ameaça.

Jornal Midiamax