Polícia

Governo do Estado prevê gasto de mais de R$ 8 milhões para alimentar 1.800 presos na Capital

O Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, através da Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) gastará R$ 8.350.470,00 durante este ano de 2012 para alimentar os presos do Estabelecimento Penal de Segurança Máxima Jair Ferreira de Carvalho, em Campo Grande. De acordo com a publicação feita nesta sexta-feira (20) no Diário […]

Arquivo Publicado em 20/01/2012, às 14h58

None
O Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, através da Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) gastará R$ 8.350.470,00 durante este ano de 2012 para alimentar os presos do Estabelecimento Penal de Segurança Máxima Jair Ferreira de Carvalho, em Campo Grande.
De acordo com a publicação feita nesta sexta-feira (20) no Diário Oficial do Estado, a empresa contratada Real Food Alimentação Ltda será paga para o preparo e fornecimento de alimentação para os internos. Na publicação, não há a quantidade de refeições nem a quantidade de presos no estabelecimento.
Segundo a assessoria de comunicação da Agepen, são cerca de 1.800 presos e três refeições diárias, ao valor de R$ 9,84 por dia, fechando o valor em R$ 6.464.880,00 ao ano.
A assessoria explica que é feita uma previsão da quantidade de refeições servidas no ano, mas que serão pagas apenas aquelas realmente fornecidas. De acordo com os valores dados pela Agepen, sobram R$ 1.885.590,00. 
Jornal Midiamax