Polícia

Confirmado na Série B, Palmeiras reforça policiamento no Palestra

A confirmação do rebaixamento do Palmeiras para a Série B do Brasileiro já causa movimentação nas redondezas do Palestra Itália. Com o temor de possíveis revoltas de torcedores com a queda para o segundo escalão nacional, a segurança em frente ao estádio, situado na Zona Oeste da capital paulista, foi reforçada pela Polícia Militar, que […]

Arquivo Publicado em 19/11/2012, às 00h33

None

A confirmação do rebaixamento do Palmeiras para a Série B do Brasileiro já causa movimentação nas redondezas do Palestra Itália. Com o temor de possíveis revoltas de torcedores com a queda para o segundo escalão nacional, a segurança em frente ao estádio, situado na Zona Oeste da capital paulista, foi reforçada pela Polícia Militar, que já conta com viaturas e bases no local.

A monitoração já estava sendo feita pelos policiais desde o início do dia. Uma viatura ficou o tempo todo em frente à bilheteria do estádio. No entanto, por volta das 21h30 (de Brasília), uma base móvel se juntou à viatura da força tática.

O temor é porque cerca de 17 ônibus com torcedores do Palmeiras que foram assistir ao jogo no Rio de Janeiro devem chegar ao local ainda nesta madrugada. Há também uma base móvel da PM de plantão em frente ao CT do Palmeiras, na Barra Funda. Alguns torcedores que assistiram à partida nos bares da região do estádio hostilizaram integrantes da imprensa que estão de plantão na porta do Palestra Itália.

O grupo do clube alviverde está retornando de ônibus do Rio de Janeiro, onde empatou com o Flamengo em 1 a 1, e deve chegar nesta madrugada à cidade de São Paulo. O horário e o local da chegada da delegação não foram divulgados por motivos de segurança.

A equipe ainda não divulgou a programação dos jogadores do Palmeiras para o resto da semana. Nas duas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro, a equipe apenas cumprirá tabela contra Atlético-GO, no próximo domingo, e contra Santos, na rodada final da competição.

Jornal Midiamax