Polícia

Itaporã: Polícia Civil evita fuga em massa e descobre celular em cela

A Polícia Civil de Itaporã sob o comando Dr. Wisnton Romão Albres Garcia, delegado titular daquela unidade policial, evitaram uma fuga em massa que estava sendo planejada pelos presos ali recolhidos. A blitz foi realizada por policiais civis e militares, que encontraram em duas celas, buracos na parede, além de um aparelho celular. Na cela […]

Arquivo Publicado em 11/02/2011, às 17h06

None

A Polícia Civil de Itaporã sob o comando Dr. Wisnton Romão Albres Garcia, delegado titular daquela unidade policial, evitaram uma fuga em massa que estava sendo planejada pelos presos ali recolhidos.

A blitz foi realizada por policiais civis e militares, que encontraram em duas celas, buracos na parede, além de um aparelho celular.

Na cela 1, onde estão recolhido 8 presos, os policiais descobriram um buraco que já ultrapassava a malha metálica existente no interior da parede. Também foi encontrado no esgoto do banheiro da cela um aparelho de telefonia celular, da marca Motorola, modelo W218, com chip da operadora Vivo (67) 9689-6323, juntamente com o carregador de bateria, que estavam em várias sacolas plásticas para não molhar.

O detento Tiago da Silva assumiu a responsabilidade sobre a propriedade do celular. Tiago é da cidade de Caarapó e está preso em Itaporã, onde foi preso envolvido no sequestro dos empresários gaúchos e do roubo da Toyota Hilux SW4.

Já na cela 2, onde dois adolescentes infratores estão recolhidos, foi encontrado um buraco que já estava próximo à malha metálica, que fora ocultado com uma massa feita com papel higiênico e recoberto com creme dental.

No final da tarde, o Promotor de Justiça, Dr. Romão Avila Milhan Junior, esteve na Delegacia de Polícia, onde tomou conhecimento dos fatos e por medida de segurança, os presos recolhidos nas celas em Itaporã, deverão ser removidos para a Penitenciária de Segurança Máxima “Harry Amorim Costa” em Dourados.

Jornal Midiamax