Polícia

Caso Marielly: Suposta gravidez de jovem é desconhecida pela família, que aguarda laudo da polícia

A família de Marielly Barbosa Rodrigues, de 19 anos, encontrada morta no dia 11 de junho em um canavial no município de Sidrolândia, informou ao Midiamax na manhã desta segunda-feira (20) que não sabe sobre a suposta gravidez da jovem. De acordo com Mayara Barbosa, irmã da Marielly, até o momento nem a polícia e […]

Arquivo Publicado em 20/06/2011, às 14h37

None

A família de Marielly Barbosa Rodrigues, de 19 anos, encontrada morta no dia 11 de junho em um canavial no município de Sidrolândia, informou ao Midiamax na manhã desta segunda-feira (20) que não sabe sobre a suposta gravidez da jovem.

De acordo com Mayara Barbosa, irmã da Marielly, até o momento nem a polícia e nem mesmo a perícia entrou em contato com a família para falar sobre a possível gravidez, nem mesmo as causas da morte ou os suspeitos do crime. Eles estão à espera do resultado dos exames feitos no Instituto de Medicina e Odontologia Legal (Imol).

Uma coletiva está marcada para às 09h30 de terça-feira (21) para que sejam apresentados os resultados dos exames e mais detalhes da investigação. O delegado responsável pelo caso, Fabiano Nagata disse hoje que não irá se manifestar em relação às possíveis suspeitas de gravidez e ao envolvimento de familiares no caso até a coletiva.

A família ainda informou que as causas do crime são “um grande ponto de interrogação e que nada justificaria a forma como Marielly foi encontrada morta”. A mãe, Eliana Barbosa, a irmã Mayara Barbosa e seu marido Hugleice Rodrigues estão em Mato Grosso e não tem previsão de retornou à Campo Grande.

O caso

No dia 21 de maio, Marielly Barbosa Rodrigues, de 19 anos, teria saído da residência no Jardim Imá, onde morava com os pais para encontrar uma amiga e depois o namorado, porém não voltou mais.

Familiares da jovem espalharam cartazes pela Capital e pediram a ajuda de órgãos como a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/MS) e a Assembleia Legislativa.

Durante as buscas tanto a família quanto a polícia receberam várias denúncias anônimas sobre o paradeiro da jovem, todas eram falsas. Só no último sábado (11), o corpo de uma jovem foi encontrado em um canavial de Sidrolândia.

Exames periciais indicaram que o corpo encontrado é o de Marielly. A identificação não foi feita pelo pai da jovem, devido ao estado avançado de decomposição que o corpo foi encontrado.

Jornal Midiamax