Polícia

Aquaplanagem em trecho da MS-162 provoca dois capotamentos simultâneos

Um trecho com pouco mais de 500 metros na MS-162, a pouco mais de 20 quilômetros de Maracaju, foi palco de dois acidentes quase simultâneos na manhã de segunda-feira (14). Segundo o site Maracaju na Hora, no primeiro acidente, o Corpo de Bombeiros foi acionado por volta das 7h. Populares que passavam pelo local avistaram […]

Arquivo Publicado em 15/11/2011, às 01h32

None
852386808.jpg

Um trecho com pouco mais de 500 metros na MS-162, a pouco mais de 20 quilômetros de Maracaju, foi palco de dois acidentes quase simultâneos na manhã de segunda-feira (14).


Segundo o site Maracaju na Hora, no primeiro acidente, o Corpo de Bombeiros foi acionado por volta das 7h. Populares que passavam pelo local avistaram o Corsa Sedan, de placas HSP-1717 de Campo Grande, capotado às margens da rodovia.


Durante o deslocamento, os socorristas foram informados via rádio pela central do Corpo de Bombeiros que quatro vítimas haviam dado entrada no pronto-socorro. Elas seriam ocupantes do Corsa e teriam sido transportadas por terceiros que passavam pelo local.


Segundo informações da equipe de plantão, a unidade de resgate estava próxima do local do acidente e resolveu verificar se não havia mais vítimas. Os bombeiros seguiram até a ponte do Rio Brilhante, que fica por volta de 5 quilômetros além do Rio Santa Gertrúdes, e não localizaram o veículo.


Ao voltar, a guarnição encontrou outro veículo capotado às margens do rio. No Gol, de placas HTN-2386, de Ponta Porã, estavam duas pessoas, identificadas como José Augusto Lima e Ana Aparecida da Silva. José, o condutor, estava fora do veículo. Já Ana ficou presa dentro do carro e foi retirada pelos bombeiros.


Os dois veículos caíram em uma ribanceira, ambos no mesmo lado da pista, ficando a uma distância de menos de cem metros um do outro.


Com informações do site Maracaju na Hora

Jornal Midiamax