Polícia

Polícia prende acusado de assaltar casa de desembargador

Acusado foi preso nesta manhã em uma casa na avenida Segredo, bairro Imperial em Campo Grande. De acordo com o delegado Marco Antonio Balsanini, a prisão foi decorrente de um trabalho conjunto com a Derf (Delegacia Especializada em Roubos e Furtos).

Arquivo Publicado em 24/09/2010, às 16h00

None

Acusado foi preso nesta manhã em uma casa na avenida Segredo, bairro Imperial em Campo Grande. De acordo com o delegado Marco Antonio Balsanini, a prisão foi decorrente de um trabalho conjunto com a Derf (Delegacia Especializada em Roubos e Furtos).

A Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico) prendeu Airto Brito Júnior, 20, conhecido como “Bolacha” acusado de ser um dos assaltantes da casa do desembargador João Batista da Costa Marques, na noite do dia 26 de julho no Jardim Autonomista, região nobre da Capital.

O acusado foi preso nesta manhã em uma casa na avenida Segredo, bairro Imperial em Campo Grande. De acordo com o delegado Marco Antonio Balsanini, a prisão foi decorrente de um trabalho conjunto com a Derf (Delegacia Especializada em Roubos e Furtos).

Airto que é foragido da Colônia Penal possui passagens por tráfico, tentativa de homicídio e roubo. Ele será encaminhado para a Derf. Um adolescente que participou do assalto foi apreendido no último dia 28 de julho.

Assalto

Na noite do dia 26 de setembro, “Bolacha” junto com o adolescente armados com uma pistola invadiram a casa do desembargador através do portão da garagem que estava aberto. Um deles chegou a entrar em luta corporal com o vigia.

Na ação, os assaltantes levaram uma pistola .40 , relógios Rolex, um notebook, e R$ 8 mil em dinheiro. Os dois amarraram as vítimas com lençol e fugiram.

Eles disseram à polícia que não sabiam que se tratava da casa de um desembargador do TJMS. Para a polícia, o alvo foi escolhido aleatoriamente.

Jornal Midiamax