Polícia

Foragido é preso com aves e cigarros contrabandeados

Policiais do Distrito de Arapuá durante uma patrulha rural na tarde deste sábado (16) na rodovia MS-320 (Alto Sucuriú) abordou às 15h30 o motorista de um veículo Monza, de placas GQB 5990 de Três Lagoas, H.H, de 49 anos. Durante uma vistoria no veículo, os militares localizaram no interior do carro quatorze pacotes de cigarros […]

Arquivo Publicado em 17/10/2010, às 16h09

None

Policiais do Distrito de Arapuá durante uma patrulha rural na tarde deste sábado (16) na rodovia MS-320 (Alto Sucuriú) abordou às 15h30 o motorista de um veículo Monza, de placas GQB 5990 de Três Lagoas, H.H, de 49 anos.

Durante uma vistoria no veículo, os militares localizaram no interior do carro quatorze pacotes de cigarros contrabandeados do Paraguay e dois filhotes de papagaio da espécie “Boiadeiro”.

Segundo a polícia, o homem voltava de uma fazenda e havia trocado dois pacotes de cigarros pelos papagaios. O homem que trabalha como autônomo revendendo cigarros, apesar de residir no bairro Jardim Violetas II em Três Lagoas, possui um mandado de prisão por pensão alimentícia em sua cidade de origem, Rio Claro-SP.

Crimes praticados

De acordo com a Polícia Militar Ambiental de Mato Grosso do Sul (PMA), o homem responderá na área Civil, Criminal e Penal por Crime Ambiental, sendo notificado a principio a pagar uma multa de R$ 500 reais por pássaro. “Esses papagaios vendidos em grandes centros no mercado negro chegam a valer até R$ 500 reais”, disse um policial da PMA.

O homem foi levado para a sede da Polícia Federal de Três Lagoas. Fiscalizações em estradas vicinais na região de Três Lagoas se tornaram rotina para os militares do Distrito de Arapuá, obtendo resultados positivos como grandes apreensões de drogas, armas e outros materiais ilícitos.

Jornal Midiamax