Polícia

Radialista de Serra Negra continua preso por corrupção de menores

Foi negado o pedido de relaxamento da prisão preventiva do radialista João Roberto Gasparini, da cidade de Serra Negra. João Roberto está preso desde o dia nove de abril, quando a polícia encontrou em seu apartamento quase cem fotos de adolescentes nus e mantendo relações sexuais. Ele foi considerado suspeito de corrupção de menores e […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

Foi negado o pedido de relaxamento da prisão preventiva do radialista João Roberto Gasparini, da cidade de Serra Negra. João Roberto está preso desde o dia nove de abril, quando a polícia encontrou em seu apartamento quase cem fotos de adolescentes nus e mantendo relações sexuais. Ele foi considerado suspeito de corrupção de menores e atentado violento ao pudor. Na próxima semana, a defesa e a promotoria vão apresentar os últimos argumentos para que o processo se encaminhe para a Justiça. Com informações da Agência Globo.

Jornal Midiamax