Polícia

Policiais acusados de seqüestro estão detidos na Derf e Companhia

Os três policiais acusados de terem seqüestrado Néris Dutra, dono do Hotel Signus, em Amambaí, estão detidos desde a madrugada em Campo Grande. Os dois policiais militares, o sargento Inácio Perreira e o cabo Jubefelix Pereira Lima, estão presos na Companhia de Guarda e Escolta da Capital. Já o policial civil agente Olívio Andrade Bittencourt […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

Os três policiais acusados de terem seqüestrado Néris Dutra, dono do Hotel Signus, em Amambaí, estão detidos desde a madrugada em Campo Grande. Os dois policiais militares, o sargento Inácio Perreira e o cabo Jubefelix Pereira Lima, estão presos na Companhia de Guarda e Escolta da Capital. Já o policial civil agente Olívio Andrade Bittencourt está detido na Delegacia Especializada em Roubos e Furtos.
O sequestro teria ocorrido na última sexta-feira, conforme depoimento da esposa do empresário, Mercedes Antunes Dutra, a Promotoria de Justiça. Os policiais teriam cometido o crime a mando do empresário Valdir e Alexandre Charmose, pai e filho, ambos desaparecidos, e estariam pedindo como resgate US$ 200 mil. O caso está correndo em segredo de Justiça, e segundo a assessoria da Polícia Civil não há maiores informações sobre a situação.

Jornal Midiamax