Polícia

Polícia Federal realiza operação e fecha empresas de segurança

Os policiais da Delegacia de Controle de Segurança Privada (DELESP) estão realizando a “Operação Segurança”, que está fiscalizando as empresas de segurança de Campo Grande. Duas delas, que funcionavam clandestinamente, foram notificadas e impedidas de continuar suas atividades. De acordo com informações da Polícia Federal, as empresas foram: “Anjos da Ordem – Segurança Ltda.” e […]

Arquivo Publicado em 01/01/2000, às 12h00

None

Os policiais da Delegacia de Controle de Segurança Privada (DELESP) estão realizando a “Operação Segurança”, que está fiscalizando as empresas de segurança de Campo Grande. Duas delas, que funcionavam clandestinamente, foram notificadas e impedidas de continuar suas atividades.

De acordo com informações da Polícia Federal, as empresas foram: “Anjos da Ordem – Segurança Ltda.” e “Mega-Segurança”, onde foram constatadas inúmeras irregularidades.

Os policiais apreenderam coletes, armas, bastões, detector de metais e rádios para comunicação. Os responsáveis pelas empresas que tiveram suas atividades encerradas, foram conduzidos para sede da Polícia Federal onde prestaram depoimentos, sendo liberados em seguida.

As pessoas físicas ou jurídicas contratantes com estas empresas serão notificadas, com o alerta que a reincidência acarretará em crime de desobediência e exercício de atividade com infração de decisão administrativa, cuja pena chega a 2 anos de detenção.

Toda a empresa de segurança privada (modalidade armada, desarmada, escolta, transporte de valores e segurança pessoal) deve ser registrada na Polícia Federal, que orientará sobre os requisitos necessários para a instalação e funcionamento da empresa.

Jornal Midiamax