A piloto holandesa Narine Melkumjan publicou em suas redes socais o momento que a cobertura da cabine se abriu em pleno voo, durante uma acrobacia.

O objetivo era que o avião ficasse de ponta-cabeça, mas teve que se interrompida com o incidente. A profissional também explicou que, por conta da falta de proteção nos olhos, ela só recuperou a visão depois de 28 horas. Mesmo assim, ela conseguiu pousar a aeronave com segurança.

Apesar de todo o barulho, a piloto conseguiu ouvir o instrutor no rádio, dizendo: “Continue voando”.

Narine relata que se arrepende de ter demorado tanto para compartilhar o vídeo, mas que é importante “ser transparente sobre as nossas dificuldades”.