Mundo

Cinco são presos por violar toque de recolher no Paraguai

Dois homens foram presos na madrugada desta quarta-feira (18) por violarem o toque de recolher no Paraguai, país que faz fronteira com Mato Grosso do Sul. A medida foi estabelecida pelo governo do país vizinho para evitar a disseminação do coronavírus (Covid-19). De acordo com o ABC Color, os homens estavam na rua por volta […]

Ana Paula Chuva Publicado em 18/03/2020, às 08h53

Reprodução
Reprodução - Reprodução

Dois homens foram presos na madrugada desta quarta-feira (18) por violarem o toque de recolher no Paraguai, país que faz fronteira com Mato Grosso do Sul. A medida foi estabelecida pelo governo do país vizinho para evitar a disseminação do coronavírus (Covid-19).

De acordo com o ABC Color, os homens estavam na rua por volta das 00h20 quando foram abordados por uma patrulha da Terceira Delegacia Metropolitana de Polícia. Eles estavam em um grupo de 15 pessoas e ficaram agressivos quando foram avisados sobre o toque de recolher.

A polícia tentou conter os dois que correram para o bairro San José, mas acabaram sendo presos e estão à disposição da Justiça.

De acordo com o Código Sanitário do Paraguai, desrespeitar medidas decretadas pelo governo tem pena prevista de 12 a 18 meses de prisão e multas de G. 8 milhões a G. 40 milhões.

Em frente a um bordel

Outros três homens foram presos, pela Polícia Nacional, em frente a um bordel na Ciudad del Este, na noite de terça-feira (17). Eles estavam no local violando as medidas de restrição e trânsito.

Confome o ABC Color, os policiais foram acionados pelo 911 com uma denúncia sobre um grupo de pessoas reunido em frente ao bordel.

Chegando no local várias pessoas fugiram, mas três homens foram alcançados e presos. Os três também estão à disposição do Ministério Público do país.

Jornal Midiamax