Mundo

Pela primeira vez uma mulher é nomeada presidente do Supremo Tribunal Federal da Etiópia

Uma semana depois de eleita a primeira presidente mulher na Etiópia, o parlamento do país nomeou nesta quinta-feira (1°), também pela primeira vez, uma mulher para o cargo de presidente do Supremo Tribunal Federal. A escolhida para dirigir o Supremo foi a advogada feminista Meaza Ashenafi, indicada pelo primeiro-ministro Abiy Ahmed. O chefe do escritório […]

Egina Becker Publicado em 01/11/2018, às 11h31 - Atualizado às 11h32

Meaza Ashenafi (Foto: Twitter)
Meaza Ashenafi (Foto: Twitter) - Meaza Ashenafi (Foto: Twitter)

Uma semana depois de eleita a primeira presidente mulher na Etiópia, o parlamento do país nomeou nesta quinta-feira (1°), também pela primeira vez, uma mulher para o cargo de presidente do Supremo Tribunal Federal.

Pela primeira vez uma mulher é nomeada presidente do Supremo Tribunal Federal da EtiópiaA escolhida para dirigir o Supremo foi a advogada feminista Meaza Ashenafi, indicada pelo primeiro-ministro Abiy Ahmed.

O chefe do escritório do primeiro-ministro, Fitsum Arega, publicou em sua conta do twitter que “a manifestação da Etiópia em prol da igualdade de gênero em cargos de liderança continua imbatível”.

Quem é Meaza

A advogada feminista Meaza Ashenafi, antes da nomeação, atuava como conselheira da UNECA (Comissão Econômica da ONU para a África).

Meaza ficou conhecida por sua luta pelos direitos da mulher, enquanto juíza do Supremo Tribunal, quando fundou a Associação Etíope de Mulheres Advogadas.

Jornal Midiamax