Mundo

Marido engana esposa durante anos fingindo ter câncer terminal

O britânico David Carroll foi condenado pela Justiça depois fingir ter câncer terminal por anos para sua esposa, Lucy Witchard, e família. De acordo com o portal BBC, Lucy conta que sua mãe chegou a dar ao ex-marido cerca de US$ 2,6 mil (aproximadamente R$ 10 mil) para realizar um tratamento nos Estados Unidos, após […]

Tábata Rauschkolb Publicado em 16/10/2018, às 10h14 - Atualizado às 10h26

David Carroll foi condenado por fraude (Foto:Reprodução/Facebook)
David Carroll foi condenado por fraude (Foto:Reprodução/Facebook) - David Carroll foi condenado por fraude (Foto:Reprodução/Facebook)

O britânico David Carroll foi condenado pela Justiça depois fingir ter câncer terminal por anos para sua esposa, Lucy Witchard, e família.

De acordo com o portal BBC, Lucy conta que sua mãe chegou a dar ao ex-marido cerca de US$ 2,6 mil (aproximadamente R$ 10 mil) para realizar um tratamento nos Estados Unidos, após relatos de que sua ‘doença’ era terminal.

Em entrevista à BBC, ela relata que desconfiou da mentira durante o tratamento nos EUA porque “ele parecia estar curtindo férias”.

Desconfiada da situação, Lucy o confrontou e disse que David tentou manter a farsa.  Segundo ela, o ex-marido até pediu para um amigo fingir ser médico.

David foi condenado a 26 semanas de prisão por fraude. A pena poderá ser suspensa caso ele realize 180 horas de trabalho comunitário e pague uma indenização de US$ 2,6 mil à ex-esposa.

Jornal Midiamax