Mundo

Polícia resgata grupo preso na montanha mais alta da Inglaterra após consumir maconha

Quatro homens pediram socorro porque não conseguiam descer sozinhos

Clayton Neves Publicado em 26/09/2017, às 01h06

None

Quatro homens pediram socorro porque não conseguiam descer sozinhos

Quatro homens precisaram ser resgatados da montanha mais alta da Inglaterra no último sábado (23) porque consumiram muita maconha e não conseguiram descer sozinhos do local. A polícia da região de Cumbria confirmou que uma operação de resgate teve que ser realizada no final da tarde em Scafell Pike, um pico de 978 metros.

Segundo o jornal britânico “The Guardian”, a notícia provocou uma enxurrada de comentários indignados em redes sociais, depois que a polícia publicou a seguinte mensagem em seu perfil no Facebook: “Pessoas telefonando para a polícia de Cumbria porque estão presas em uma montanha depois de consumir maconha. Agora temos que destacar uma equipe de resgate, suporte aéreo e ambulância para resgatá-las. Nos faltam palavras…”.

Mais tarde, os policiais informaram que os homens foram retirados do local em segurança em uma operação encerrada às 21h45, mais de três horas após o pedido inicial de socorro.

Os homens resgatados não foram identificados e a polícia se limitou a dizer que “nenhuma prisão foi efetuada relacionada ao incidente”.

Entre os comentários, muitos cobravam que o grupo arcasse com as despesas da operação e criticavam o gasto de tempo e recursos para atender pessoas que colocaram a si próprias em risco.

A polícia de Copeland respondeu com um comunicado, no qual afirmou apenas que sua missão é “sempre garantir que as pessoas fiquem em segurança, independente das escolhas que elas façam e que as coloquem em uma posição perigosa”.

Jornal Midiamax