Mundo

Visitantes de museu poderão usar privada de ouro maciço

Obra de arte leva nome de 'América'

Midiamax Publicado em 17/09/2016, às 12h43

None
privada-de-ouro-696x419.png

Obra de arte leva nome de 'América'

Uma privada de ouro maciço 18 quilates, obra de arte criada pelo artista italiano Maurizio Cattelan, será exibida ao público no Museu Guggenheim de Nova York e, acima disso, poderá ser usada pelos visitantes, como uma louça normal.

Conforme o site Mirror, a privada será instalada no sistema de esgoto, em um banheiro, e o público poderá fazer suas necessidades nela. E nem vai precisar pagar a mais por isso. Só o preço normal do ingresso já dá direito a essa excentricidade.

O nome da escultura interativa – primeira vez que uma privada é chamada assim? – é “America”, e é uma crítica bem humorada aos privilégios de certos seres humanos. O museu explica que o objetivo é “tornar disponível ao público o luxuoso e extravagante produto destinado para 1% (dos mais ricos)”.

Jornal Midiamax