Mundo

Papa vai receber parentes de vítimas do atentado em Nice

O ataque do 14 de julho matou mais de 80 pessoas

Midiamax Publicado em 17/09/2016, às 15h47

None
05425173.jpg

O ataque do 14 de julho matou mais de 80 pessoas

O papa Francisco receberáos parentes das vítimas do atentado em Nice, na França, informou o diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé, Greg Burke. O encontro acontece no dia 24. As informações são da Agência Brasil.

O ataque do 14 de julho matou mais de 80 pessoas. O líder religioso telefonou ao presidente da Câmara de Nice, Christian Estrosi, para manifestar pesar pelo ocorrido e o que poderia ser feito para auxiliar as famílias das vítimas.

A delegação que vai ao Vaticano inclui os presidentes da Câmara de Nice e da Associação Amizade França-Itália, Paolo Celi. "Estarão todas as pessoas que deram uma mão no momento daquele trágico evento, sem alguma distinção de religião”, afirmou Celi.

O atentado ocorreu durante as comemorações da Queda da Bastilha, um feriado nacional do país. Um caminhão atropelou as pessoas que participavam da festa após a queima de fogos. O motorista do caminhão foi morto.

O papa Francisco enviou mensagem às autoridades católicas de Nice condenando o ataque. "Enquanto a França celebrava sua festa nacional, a violência cega atingiu a cidade de Nice, fazendo numerosas vítimas, entre elas, crianças. Condenando mais uma vez esses atos, Sua Santidade exprime profunda tristeza e proximidade espiritual ao povo francês", disse Francisco, em uma mensagem assinada pelo secretário de Estado do Vaticano, cardeal Pietro Parolin, e enviada ao bispo de Nice, André Marceau.

Jornal Midiamax