‘Igualdade de oportunidades ainda é quimera’, diz primeira mulher a ser prefeita de Roma

Virginia Raggi venceu eleição neste domingo
| 20/06/2016
- 17:24
‘Igualdade de oportunidades ainda é quimera’, diz primeira mulher a ser prefeita de Roma

Virginia Raggi venceu eleição neste domingo

Roma elegeu, pela primeira vez em sua história, uma prefeita mulher. Virginia Raggi faz parte de uma coligação denominada M5S (‘Movimento Cinco Estrelas’, na sigla italiana), que se apresenta como ‘antissistema’, e foi eleita no domingo (19). Nesta segunda-feira (20), ela publicou uma nota nas redes sociais, para celebrar a vitória.

“A primeira coisa que ouço dizer, que me vem do fundo, é que finalmente Roma terá uma prefeita mulher. Em um momento histórico em que a igualdade de oportunidades ainda é uma quimera, considero que esta notícia tem valor extraordinário. O primeiro sinal de profunda mudança que estamos trazendo neste país”, afirmou Virginia.

Ela também aproveitou para saudar seu grupo político, dizendo que “a capital da terá pela primeira vez na sua história um prefeito mulher, isso se deve ao M5S”.

Virginia citou ainda o escândalo de corrupção conhecido como ‘Máfia Capital’, que culminou com a renúncia do então prefeito de Roma, Ignazio Marino. “Vamos trabalhar para repor a legalidade e a transparência nesta cidade, depois de anos de desgoverno e máfia capital. Vamos trabalhar para devolver a Roma a beleza e a dignidade que merece. Hoje se inicia uma nova era”, escreveu a prefeita eleita.

Em reportagem da agência de notícias Ansa, Matteo Orfini, que é comissário do PD, partido até então detentor da prefeitura romana,disse que sua agremiação perdeu por não saber lidar com o problema da ‘Máfia Capital’. “Hoje estamos debilitados e convalescentes. Antes estávamos atingidos em cheio pela doença", afirmou.

(Sob supervisão de Daiane Libero)

Veja também

Animal teria ingerido grande quantidade do 'mel louco'

Últimas notícias