Mundo

Tufão Mujigae deixa sete mortos e 223 feridos na China

Além disso, há 16 marinheiros desaparecidos de um pesqueiro

Midiamax Publicado em 05/10/2015, às 11h40

None
400x225_314646.jpg

Além disso, há 16 marinheiros desaparecidos de um pesqueiro

Pelo menos sete pessoas morreram e 223 ficaram feridas devido às fortes tempestades e vendavais causados pelo tufão Mujigae no litoral sul da China, informou nesta segunda-feira (5) a agência oficial Xinhua.

A província de Cantão, a primeira em cujo litoral o tufão chegou ontem, é a mais afetada, já que se foi sacudida por fortes tornados que fizeram a maior parte das vítimas e deixaram sem abastecimento de água e de energia cidades como Zhanjiang durante horas.

Três das pessoas morreram no distrito de Fanzhu, associado à capital da província, também chamada de Cantão, enquanto outras três vítimas eram da vizinha cidade de Foshan e a sétima foi atingida por uma árvore em Nanning, capital da região autônoma de Guangxi.

Além disso, há 16 marinheiros desaparecidos de um pesqueiro, enquanto as autoridades conseguiram resgatar outros 117 pescadores.

O Mujigae obrigou a evacuação de quase 80 mil pessoas e destruiu mais de 740 casas, causando perdas de mais de US$ 27,5 milhões, segundo números provisórios.

O tufão veio na semana de férias na qual a China comemora o Dia Nacional, por isso que afetou viajantes que estavam na região, como mais de 500 que ficaram isolados na ilha de Fangji, um destino popular, e que tiveram que ser resgatados.

Vários serviços ferroviários e alguns aeroportos do sul do país cancelaram suas viagens nos últimos dois dias devido ao Mujigae, 22º tufão que castiga a China neste ano.

Jornal Midiamax