Mundo

Balsa que pegou fogo no Mar Adriático é rebocada

O incêndio no navio começou no convés destinado aos veículos.

Gerciane Alves Publicado em 02/01/2015, às 14h06

None
28dez2014-foto-tirada-de-um-video-feito-pela-guarda-costeira-da-italia-mostra-a-balsa-norman-atlantic-sendo-consumida-pelas-chamas-no-mar-adriatico-1419801649628_615x300.jpg

O incêndio no navio começou no convés destinado aos veículos.

A balsa Norman Atlantic, que pegou fogo no domingo (28) no Mar Adriático e deixou 13 mortos, está sendo rebocada desde ontem (1º) para o porto italiano de Brindisi. As vítimas são 11 passageiros e dois marinheiros albaneses que participavam das operações de socorro no mar.

Na terça-feira (30), as autoridades admitiram a possibilidade de que sejam encontrados mais mortos, uma vez recuperados os destroços da balsa, segundo explicou o procurador da cidade italiana de Bari, Giuseppe Volpe, responsável pelo inquérito do acidente. Segundo ele, a presença de clandestinos a bordo “está provada”, depois da identificação de dois afegãos e de um sírio que não constavam da lista de passageiros.

O incêndio no navio, que fazia a ligação entre Patras, na Grécia, e Ancona, na Itália, começou no convés destinado aos veículos, quando a balsa estava a mais de 80 quilômetros da ilha grega de Corfu.

Jornal Midiamax