Rachel Sheherazade ganha processo contra SBT após demissão

Emissora também deverá pagar R$ 500 mil de multa por danos morais
| 23/01/2022
- 17:40
Rachel Sheherazade ganha processo contra SBT após demissão
Foto: Reprodução | SBT.

A Rachel Sheherazade ganhou o processo que moveu contra o SBT e Sílvio Santos, dono da emissora. Neste domingo (23), a profissional comemorou a vitória após a demissão.

Ela foi demitida da emissora em 2020 e a Justiça do Trabalho reconhecer o vínculo empregatício. A jornalista ficou nove anos no SBT e segundo o UOL, saiu da empresa de forma conturbada, sem direitos pagos.

Com o julgamento, ela deverá receber os pelos nove anos de trabalho. Além disso, a emissora deverá pagar o aviso prévio indenizado; 13º salários, férias, adicionais por tempo de serviço e FGTS.

A profissional ainda venceu um processo sobre atitude de Sílvio Santos em entrega do troféu Imprensa de 2017. Para o juiz Ronaldo Luis de Oliveira, “o referido apresentador, de forma muito deselegante e abusiva, em comportamento claramente misógino, utilizou o seu poder patronal e de figura notória no meio artístico e empresarial para repreendê-la, em público, não somente como profissional, mas, sobretudo – como se pode concluir –, por questão de gênero”.

Assim, Rachel também deve receber R$ 500 mil pagos pelo SBT, por danos morais à vítima de misoginia.

Veja também

Segundo imprensa espanhola, jogador usa toxina butolínica para aumentar o tamanho do seu órgão sexual

Últimas notícias