A atriz Ana Lúcia Torre, de 77 anos, se posicionou a respeito das polêmicas falas e atitudes de Cássia Kis, consideradas homofóbicas. Ela e Cássia são colegas de elenco na novela “Travessia”, atual atração das 21 horas na TV Globo.

Em declaração à coluna de Lucas Pasin, do Splash UOL, Ana Lúcia deu sua opinião a respeito das declarações da artista, que também tem participado das manifestações contra o resultado das eleições presidenciáveis de 2022.

“Não é agradável para mim. Não vou dizer em nome dos outros do elenco, mas essas falas homofóbicas, as manifestações, não fazem o meu gênero”, disparou Ana Lúcia Torre.

Na sequência, a atriz falou sobre Deus. “Sou uma pessoa de extrema fé. Acredito em Deus profundamente. Mas o meu Deus é agregador. Ele não é preconceituoso. Por exemplo: como não vou gostar de uma pessoa negra apenas porque sou branca? É meu irmão em Cristo. Existem atitudes por aí que não gosto”, disse.

Por fim, Ana Lúcia Torre revelou que tem uma estratégia para evitar confrontos e mal estar com Cássia Kis nos bastidores de “Travessia”.

“Eu trabalho com ela, né? Então quando estamos juntas ela é a Cidália [personagem]. Foi a solução que encontrei para mim para não ficar um clima nesse ambiente”, finalizou.