Com 19 filhos, ex-paquito revela viver de doações na África: 'andavam no lixo'

Ex-paquito também contou detalhes tristes de sua vida na África: "queimaram nossa casa"
| 30/07/2022
- 09:15
ex-paquito
Alexandre era conhecido como Xand na época dos paquitos

Alexandre Canhoni, ex-paquito conhecido como Xand, concedeu uma entrevista ao programa "Melhor da Tarde", de Cátia Fonseca, na Band. Na ocasião, ele contou que adotou 18 crianças no Níger, da África.

"Eram crianças que andavam no lixo, podiam estar indo para uma facção terrorista, tem quatro delas no país. Então, a gente entende que é o propósito de Deus. Nem eu, às vezes, entendo isso", contou o ex-paquito, que vive e faz trabalho voluntário naquele país.

Ele afirmou ainda que vive de doações. "Não temos um capital para investir em panfletos, folders, porque são quatro creches, dez projetos de nutrição, US$ 30 [aproximadamente R$ 155] por para um apadrinhamento", lamentou.

"Passamos por situações difíceis, mas tem uma frase que gosto de falar: 'Até aqui, o Senhor tem nos ajudado'. Poderíamos estar mortos há muito tempo, passamos por golpes de Estado, pessoas que não entendem a nossa forma de agir e de ser, outras religiões. Tem grupos extremistas, em 2015, queimaram nossa casa, tivemos que fugir, ficamos escondidos no próprio país", contou Alexandre.

Assista à entrevista:

Veja também

Humorista terá que pagar R$ 44 mil de indenização por danos morais a Adriana Cristina da Costa Gonzaga

Últimas notícias