MidiaMAIS / Famosos

Aos 87 anos, morre a atriz Eva Wilma em decorrência de um cancêr no ovário

Artista estava internada desde o dia 15 de abril

Fábio Oruê Publicado em 16/05/2021, às 07h45

Eva Wilma como sua última personagem na televisão, em 2018.
Eva Wilma como sua última personagem na televisão, em 2018. - Foto: Rede Globo

A atriz Eva Wilma morreu na noite de sábado (15), aos 87 anos, em decorrência de câncer no ovário. A informação foi confirmada pela equipe da artista em publicação no Instagram.

'Vivinha', como era chamada, estava internada desde o dia 15 de abril. "Comunicamos que a atriz Eva Wilma, acaba de falecer às 22h08, no Hospital Israelita Einsteins, em São Paulo, em função de um câncer de ovário disseminado, levando a insuficiência respiratória. Nossos profundos e sinceros sentimentos a todos os familiares, especialmente a John Herbert Buckup Jr e Vivien Buckup", diz a nota divulgada pela assessoria de imprensa da atriz.

Wilma foi internada na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) para tratamento de problemas cardíacos e renais. Cinco dias depois, o hospital Albert Einstein chegou a emitir comunicado dizendo que a atriz havia tido uma melhora na função do coração e seguia com assistência renal.

No dia 8 de maio, Eva Wilma recebeu o diagnóstico de câncer no ovário da equipe médica e iniciou tratamento oncológico imediato para conter o avanço da doença.

Na TV, a atriz fez a sua estreia na Tupi, em 1953, no seriado "Namorados de São Paulo" (que depois foi rebatizado como "Alô, Doçura"). A série de trabalhos na televisão a colocou como uma das maiores atrizes do Brasil da década de 1970.

Eva Wilma fez história com personagens que oscilavam entre mocinhas e vilãs, no drama e na comédia, como as gêmeas Ruth e Raquel da primeira versão de "Mulheres de Areia" (1974), a Dra. Martha do seriado "Mulher" (1998/1999), a perversa Altiva, de "A Indomada" (1997) e integrou o trio protagonista de Sassaricando (1987/1988). 

Eva Wilma tinha 70 anos de carreira como atriz e estava afastada da televisão desde 2018, quando fez a novela "O Tempo Não Para", exibida pela TV Globo.

Jornal Midiamax