Após carta aberta de ex-BBB Marcos, seguidores chamam Emilly de Judas

Hashtag #EmillyJudas chegou a ficar em primeiro lugar
| 23/04/2017
- 16:30
Após carta aberta de ex-BBB Marcos, seguidores chamam Emilly de Judas

Hashtag #EmillyJudas chegou a ficar em primeiro lugar

Marcos Harter, o ex-BBB que foi expulso da 17ª edição do reality show, acusado de agredir a namorada Emilly Araújo, escreveu uma longa carta em seu perfil no Facebook na manhã deste sábado (22) . Após o desabafo, vários seguidores se voltaram contra a vencedora do reality.

De acordo com o ‘Famosos na Web’, a hashtag #EmillyJudas chegou a ficar em primeiro lugar da lista de assuntos mais comentados no Twitter.

“O pior foi ela fazer ceninha ao vivo chorando sem lágrimas nenhuma”, disse um usuário da rede social. “Ele errou sim e assumiu, ja ela vou nem comentar, se fazendo que nao sabia de nada… Palmas pelo belo teatro #EmillyJudas”, comentou outra.

“Raiva que a família dele não se pronunciou contando a verdadeira história, deixando inverter a situação. Hoje milhões de pessoas arrependidas de ter votado em você, inclusive a otária aqui. Deixando de te seguir”, relatou uma seguidora.

Carta ‘chorando’

Em um longo desabafo em seu perfil no Facebook, o ex-BBB Marcos Härter escreve uma carta para Emilly, ex-sister e campeã da edição de 2017, onde fala e amor e mágoa. No texto, o médico diz que começa o relato chorando e, ao final, muita gente fará o mesmo. A partir de um trecho, o ex-BBB fala diretamente para Emilly. Relembra como iniciou o relacionamento dos dois dentro da casa.

“Sabia que o prêmio era muito importante para você (Emilly), mas ao mesmo tempo tinha a nítida noção de que o que eu poderia dar a você aqui fora não tinha preço. Os dias foram passando e eu fui vivendo uma das mais incríveis histórias de amor da minha vida. Cientificamente, a ideia de avaliar o comportamento de seres humanos mediante confinamento sempre me pareceu fantástica. Fazer parte da experiência fazia tudo ser sensacional, pois provaria para mim mesmo e para um país inteiro que o amor verdadeiro pode existir sim, mesmo em condições laboratoriais”, escreveu Marcos.

Veja também

Mônica Benini contou que teve uma crise de apendicite e precisou passar pela operação rapidamente

Últimas notícias