Profissões com mais vagas para 2022 exigem especializações e habilidades comportamentais

Pesquisa do LinkedIn mapeou áreas que terão mais contratações neste ano
| 20/01/2022
- 18:30
Profissões com mais vagas para 2022 exigem especializações e habilidades comportamentais

Pesquisadores do LinkedIn Economic Graph examinaram milhões de empregos iniciados por usuários do LinkedIn, de janeiro de 2017 a julho de 2021, para calcular a taxa de crescimento para cada cargo. A pesquisa encomendada pela LinkedIn, plataforma social voltada para network e mercado de trabalho, diz que cargos envolvendo tecnologia estão em ascensão, mas a especialização na área é o principal requisito, exigindo nível de conhecimento bastante elevado.

As profissões com maiores expectativas de crescimento neste ano exigem especializações, como pós-graduação, e habilidades comportamentais, conforme a pesquisa. À medida que os trabalhos voltam a ser presenciais ou híbridos, as atividades estão ficando mais digitalizadas e, nesse cenário, a tendência é que as profissões de tecnologia tenham ainda maior destaque a curto prazo para garantir as medidas de segurança necessárias às empresas e aos colaboradores.

Assim, engenheiros de software, cientistas de dados, especialistas em segurança cibernética e gestores de tráfego serão algumas das profissões com o maior número de abertas ao longo de 2022, de acordo com a apuração. Dentre as cidades que terão as melhores oportunidades de emprego estão São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, e Porto Alegre. 

Confira, a seguir, a lista divulgada pela pesquisa LinkedIn Economic Graph com os 25 empregos em alta para 2022: 

  1. Recrutador(a) especializado(a) em tecnologia;

  2. Engenheiro(a) de confiabilidade de sites (Site Reliability Engineer – SRE);      

  3. Engenheiro(a) de dados;

  4. Especialista em cibersegurança;

  5. Representante de desenvolvimento de negócios;

  6. Gestor(a) de tráfego;

  7. Engenheiro(a) de machine learning;

  8. Pesquisador(a) em experiência do usuário;

  9. Cientista de dados;

  10. Analista de desenvolvimento de sistemas; 

  11. Engenheiro(a) de robótica;

  12. Desenvolvedor(a) Back-end;

  13. Gerente de engajamento; 

  14. Gerente de equipe de produto;

  15. Engenheiro de QA (Quality Assurance);

  16. Consultor(a) de gestão de dados;

  17. Líder de experiência do cliente;

  18. Analista de design;

  19. Analista de soluções;

  20. Analista de gestão de risco; 

  21. Consultor(a) de design de produto;

  22. Coordenador(a) de vendas internas;

  23. Enfermeiro(a) intensivista;

  24. Designer de conteúdo;

  25. Instrutor(a) de Agile. 

 

Fonte: Agência Educa Mais Brasil

 

Veja também

Últimas notícias