MidiaMAIS

VÍDEO: Vigilância diz que vai ‘descer cacete’ em quem desrespeitar quarentena e vira piada em MS

Um vídeo com dois servidores da Vigilância Sanitária de Cassilândia virou motivo da piada na cidade. Nas imagens, homem identificado como Chiquinho diz que a preocupação com a saúde pública é grande e, por este motivo, ele vai mandar “descer o cacete” em quem não ajudar no combate à pandemia. Ao lado do funcionário do […]

Bruna Vasconcelos Publicado em 08/04/2020, às 15h55 - Atualizado em 09/04/2020, às 11h29

None

Um vídeo com dois servidores da Vigilância Sanitária de Cassilândia virou motivo da piada na cidade. Nas imagens, homem identificado como Chiquinho diz que a preocupação com a saúde pública é grande e, por este motivo, ele vai mandar “descer o cacete” em quem não ajudar no combate à pandemia. Ao lado do funcionário do órgão, uma mulher conhecida como “Tuti” segura um pedaço de madeira e faz gestos como se tivesse ameaçando alguém.

As imagens rodaram entre os servidores da Prefeitura e caíram no Whatsapp do secretário municipal de Saúde, José Lourenço Marin. Sem ordem oficial do prefeito para fazer ameças violentas à população, o secretário afirmou que vai ouvir os servidores a respeito das circunstâncias para, então, tomar medidas necessárias.

“Tive conhecimento que gravaram após o expediente. Não autorizei a gravação. Acredito que foi uma maneira de alertar a população de forma bem humorada, também acredito na boa fé desses servidores. O momento que passamos é delicado e polêmico. É preciso cuidado”, explicou Marin.

Alertando ou não, o fato é que o recado de Chiquinho virou motivo de chacota em todo Mato Grosso do Sul. Em poucas horas, o vídeo viralizou entre os grupos das cidades do interior. Uma servidora da prefeitura municipal, que não quis se identificar, disse que o prefeito Jair Boni certamente não estava sabendo do vídeo, já que não possui celular, mas acredita que a intenção era usar o bom humor para advertir a população.

“Recebi no meu celular agora a tarde (8). Não tinha visto antes, mas achei engraçado. Com certeza o prefeito não está sabendo que a Vigilância Sanitária quer descer o cacete em todo mundo. Também não é bem assim”, disse a funcionária rindo.

Assista:

Jornal Midiamax