MidiaMAIS

Ação de bungee jumping arrecada fundos para clínica de reabilitação

Os amantes de esportes radicais podem aproveitar este final de semana para fazer o bem, no Parque das Nações Indígenas, em Campo Grande. O Pantanal Paraquedismo, com a ajuda de parceiros, vai montar uma estrutura onde aventureiros poderão pular de bungee jumping e, ao mesmo tempo, ajudar o Certa (Centro de Tratamento para Dependentes Químicos […]

Bruna Vasconcelos Publicado em 22/03/2019, às 16h49 - Atualizado às 16h56

Foto: Divulgação / Pantanal Paraquedismo
Foto: Divulgação / Pantanal Paraquedismo - Foto: Divulgação / Pantanal Paraquedismo

Os amantes de esportes radicais podem aproveitar este final de semana para fazer o bem, no Parque das Nações Indígenas, em Campo Grande. O Pantanal Paraquedismo, com a ajuda de parceiros, vai montar uma estrutura onde aventureiros poderão pular de bungee jumping e, ao mesmo tempo, ajudar o Certa (Centro de Tratamento para Dependentes Químicos Alcoolistas e Familiares).

Nos dias 23 e 24 de março, das 8h às 17h, as empresas Pantanal Paraquedismo, Rapel CG e Guindastes MS oferecerão saltos de bungee jumping de uma estrutura de 45 metros, altura equivalente a um prédio de 15 andares. O valor dos passaportes adquiridos para a experiência, no sábado, será doado para o Certa.

A ideia é passar a imagem que é possível ter uma vida cheia de aventuras longe das drogas. Cerca de 30 internos do Centro de Tratamento também serão levados para saltar e terem uma experiência única durante a reabilitação. Ezequiel Almeida, psicólogo, explica a importância da ação para a Comunidade Terapêutica.

“Além de promover reinserção e promoção de saúde dos internos, também tem o cunho social de ajudar com o valor da bilheteria. O Certa atende homens que tenha problemas com drogas e mais de 18 anos. Isso é uma das atividades socioeducativas que a instituição sem fins lucrativos promove.”

Através de um guindaste, o participante e o instrutor serão içados até a altura de Chegada. A queda livre terá duração aproximada de 3 segundos até o repuxo do sistema elástico, que se repete em torno de 4 vezes.

Em solo, para garantir a segurança, haverá um bolsão de ar semelhante ao utilizado para resgate de pessoas em edifício em chamas pelo Corpo de Bombeiros.

Para saltar de bungee jumping é preciso ter entre 45 e 160 quilos. Não é permitido que pessoas com problemas de saúde ou que tenham passado recentemente por cirurgia participem. Os ingressos podem ser adquiridos pelo valor de R$ 90 no sábado (23) e R$ 120 no domingo (24).

Jornal Midiamax