Sempre alerta! Escotismo mantém valores e organização difunde a prática

Você lembra de Russel, o menininho fofo e determinado a ajudar um idoso, no caso o senhor Carl Fredericksen, do filme UP – Altas Aventuras? Ele é um escoteiro! O escotismo, que é uma organização e, também, um conjunto de ideias, estava em alta nos anos 70 e 80, mas acabou ficando de lado devido […]
| 10/05/2018
- 13:31
Sempre alerta! Escotismo mantém valores e organização difunde a prática
Escotismo - Russel, o escoteiro de UP - Altas Aventuras, da Disney
Russel, o escoteiro de UP – Altas Aventuras, da Disney

Você lembra de Russel, o menininho fofo e determinado a ajudar um idoso, no caso o senhor Carl Fredericksen, do filme UP – Altas Aventuras? Ele é um escoteiro! O escotismo, que é uma organização e, também, um conjunto de ideias, estava em alta nos anos 70 e 80, mas acabou ficando de lado devido a outros atrativos. Agora, uma ação em nível nacional quer difundir novamente os bons valores praticados pelos seus integrantes.

O 2º EducAÇÃO Escoteira vai acontecer no dia 19 de maio em cidades de todos os estados do Brasil, com o objetivo de divulgar e trazer mais jovens para o movimento. Quem explica é o integrante da diretoria do grupo Padre Heitor Castoldi de escoteiros, Marcelo Kawahata. Ele próprio aderiu ao escotismo aos 11 anos, em 1987 e hoje permanece na organização como voluntário. Seus dois filhos também participam do movimento.

Valores do escotismo

Durante o evento serão realizadas atividades que ressaltam os valores do escotismo, tais como companheirismo, caráter, espiritualidade, honra e outros. “Serão desenvolvidos jogos e atividades que normalmente fazemos quando nos reunimos aos sábados”, explica o integrante do grupo de escotismo.

Além de ensinar bons princípios às crianças e jovens, o movimento aproxima os pais dos filhos e filhas. “Às vezes ficamos tão ocupados durante a semana. É uma ótima oportunidade de passarmos tempo em família”, sustenta Marcelo.

Sobre o evento

A ação é aberta ao público e não há requisitos para fazer parte do movimento. “Só tem idade para entrar, mas não para sair”, brinca Marcelo. A partir dos 6 anos, as crianças entram como lobinhos e com 11 anos tornam-se escoteiros. Ao completar 15 anos são chamados de seniores, tornam-se pioneiros aos 18. Os adultos com 21 anos ou mais podem permanecer como voluntários.

Escotismo - Grupo Escoteiro Pe. Heitor Castoldi, que tem sede no Parque das Nações Indígenas. (Reprodução/Facebook)
Grupo Escoteiro Pe. Heitor Castoldi, que tem sede no Parque das Nações Indígenas. (Reprodução/Facebook)

O grupo Padre Heitor Castoldi e outros três – o Cidade Morena, Pedra Viva e Messiânico – estarão na escola Oswaldo Tognini das 14h às 17h com mais de 150 integrantes. Para conhecer mais, visite a fan page do grupo Pe. Heitor Castoldi ou entre em contato pelo telefone 99209-0996. O grupo em sede no Parque das Nações Indígenas, próximo à entrada Guarani.

Segundo Marcelo, em Campo Grande há 13 grupos de escotismo. Muitos deles estarão participando do 2º EducAÇÃO Escoteira em outras escolas. O Colégio Fênix receberá o Grupo Escoteiro Lobo Guará e o Yasser estará na Escola Municipal Imaculada Conceição. Já o grupo Olavo Bilac vai desenvolver atividades na Escola Municipal Juca Pirama e na Escola Municipal Harry Amorim Costa estará o grupo Atalaia do Pantanal.

Consulte os locais em que as ações acontecem simultaneamente em Campo Grande.

Grupo Escoteiro Pe. Heitor Castoldi
Colégio Oswaldo Tognini
Rua Cel. Cacildo Arantes, 322 – Chácara Cachoeira

Grupo Escoteiro Lobo Guará
Colégio Fenix
Rua São Mateus, 262 – Vila Nasser

Grupo Escoteiro Yasser
Escola Municipal Imaculada Conceição
Diretor Aristides Bassi

Grupo Escoteiro Olavo Bilac
Escola municipal Juca pirama
Interior da Vila da Aeronáutica.

Grupo Escoteiro Atalaia do Pantanal
Escola Municipal Harry Amorim Costa
Rua Airton Bachi de Araújo, 293 – Guanandi


Fale MAIS!

O que você gostaria de ver no MidiaMAIS? Envie sua sugestão para o e-mail [email protected], ou pelos telefones 67 99965-7898/3312-7422.

Siga o MidiaMAIS no Instagram @midia_mais_

Veja também

Últimas notícias