MidiaMAIS

Após vitória no Oscar, pai de Amy Winehouse critica documentário

Filme venceu na categoria de Melhor Documentário

Daiane Libero Publicado em 29/02/2016, às 15h21

None
amy-winehouse-exposicao-londres.jpg

Filme venceu na categoria de Melhor Documentário

Após vitória no Oscar, pai de Amy Winehouse critica documentárioA vitória de Amy como Melhor Documentário no Oscar não agradou a todos. E a todos leia-se Mitch Winehouse, pai da cantora. Depois de o diretor Asif Kapadia receber o prêmio no palco, o empresário desabafou no Twitter, reforçando sua opinião contra o filme. "Serei sempre orgulhoso da minha bebê. Ainda assim, a Amy nunca vai ganhar um Oscar, ao contrário do Asif Kapadia. No final das contas é tudo por conta dele. Ele enganou todo mundo". 

Em seu discurso, Asif Kapadia disse que queria mostrar Amy como ela realmente era: uma menina doce e talentosa. Desde o lançamento do documentário sobre a vida de Amy Winehouse, morta em 2011 por envenenamento alcoólico, o pai da cantora se mostrou contra a obra, principalmente pela maneira como é retratado nela.

No filme, Mitch Winehouse é visto como um pai negligente, que se aproximou da filha após o sucesso e ignorou os sinais de que ela precisava de tratamento médico. "Não vou mudar minha postura só pela vitória do filme no Oscar. A obra retrata a minha Amy de forma negativa, vergonhosa e mentirosa. Daremos um jeito nisso", continou o pai de Amy.

Mitch Winehouse foi criticado por seguidores nas redes sociais, mas não se mostrou muito incomodado. "Se você quer me ofender, tem que usar palavrões realmente ofensivos. Vamos manter o nível de xingamento alto".

Jornal Midiamax