MidiaMAIS

Maquiador de Paixão de Cristo em Campo Grande sonha morar em Hollywood

Marcelo diz ter aprendido técnicas de maquiagem sozinho. 

Carol Alencar Publicado em 04/04/2015, às 10h36

None
img-20150403-wa0067.jpg

Marcelo diz ter aprendido técnicas de maquiagem sozinho. 

O maquiador Marcelo Athayde, 20 anos, foi o responsável por deixar as chibatadas de Jesus tão semelhantes quanto na história. Não diferente dos grandes filmes que contam a verdadeira ‘Paixão de Cristo’, ele trouxe para a encenação da procissão, realizada na noite desta sexta-feira santa, parte desta realidade.

Além das chibatadas, Marcelo conseguiu deixar idêntica, as chagas e a coroa de espinhos colocadas em Jesus. Já no diabo, o maquiador investiu em um tom mais leve, para não deixar muito fantasioso e garantiu: “é só para transmitir morbidez ao personagem”.

Mercado de Trabalho

Por Campo Grande ter um mercado um tanto quanto esporádico, Marcelo que é maquiador profissional há cerca de dois anos, sonha em morar no exterior, mais precisamente em Hollywood.

“Ah, não quero sonhar baixo, e como em Holywood o mercado é mais amplo, quero mudar pra lá, adquirir experiência e aperfeiçoar minhas técnicas”, avalia.

Ainda de acordo com Marcelo, as técnicas que desenvolve são frutos de muitas experiências. “Comecei sozinho, fazendo em mim e testes em cobaias até chegar do jeito que está”, diz o maquiador.

Marcelo que já fez maquiagens de artistas e também, esteve como maquiador principal de filmes locais, pensa em continuar em Campo Grande só para aprender o inglês. Até lá, continuará a fazer as maquiagens de helloween e de peças locais. “Para fazer as maquiagens de helloween, a pessoa tem que agendar comigo com 1 mês de antecedência”, pontua.

Jornal Midiamax