Geral

Você lembrou? Para quem acredita, hoje é dia de tomar cuidado com a sorte

Gato preto, espelho quebrado... superstições deixam a sexta 13 mais misteriosa

Thatiana Melo Publicado em 13/02/2015, às 14h07

None
img-20150213-wa0039.jpg

Gato preto, espelho quebrado… superstições deixam a sexta 13 mais misteriosa

Reparou no calendário? Hoje é a primeira sexta-feira 13 de 2015, data que para muitos está relacionada ao azar, mas para outros é, até, dia de sorte. Você sabe de onde surgiu a ‘fama’ da sexta 13?

O número 13 é considerado na numerologia um número irregular, sinal de infortúnio. Já a sexta-feira foi o dia em que Jesus foi crucificado, sendo considerado também um dia de azar.

E que o gato preto tem a ver com a história? O bichano foi alvo de sacrifício para homenagear a deusa pagã Freya, o que passou a ser considerado pela igreja como heresia, tornando o gato perseguido e considerado demoníaco, principalmente, os de cor preta. Depois disso, estes animais passaram a ser associados a bruxarias.

Mas para um grupo de pessoas hoje é um dia de sorte. Vitor Samudio considera a sexta-feira 13 um dia comum, e ainda acha que, o número 13 da sorte. “Para mim a sexta-feira 13 ainda é mais empolgante, o 13 é meu número de sorte, então eu não sou supersticioso”, fala Vitor, que faz aniversário nesta data.

Para a copeira Deiva Agda Pereira, de 32 anos, número 13 também dá sorte, principalmente porque ela fará aniversário em outra sexta-feira 13, em novembro. “É um dia comum, até de sorte para mim. A única supertição que tenho é com o espelho, que dá sete anos de azar, mas com o dia de hoje, não”, fala a copeira

Agora mesmo muitas pessoas dizendo que não são supersticiosas, ainda evitam passar embaixo de escadas. Durante o tempo que a reportagem esteve na rua perto de uma encostada no muro, apenas uma pessoa teve coragem de passar por debaixo dela. O pedreiro Luiz Moreira, de 63 anos, afirma que dia de azar não existe. “O número 13 não dá azar, assim como passar embaixo de uma escada. Sou pedreiro mexo todo dia com isso. São superstições, apenas isso”, fala Luiz.

Mas para o vidraceiro Josimar Ferreira, de 37 anos a sexta-feira 13 dá medo. “É um dia que a gente tem que trabalhar com muita calma. Eu tenho medo da sexta-feira 13, evito sair à noite, não passo embaixo de escada e não gosto de gato preto”, diz ele.

Já para os mulçumanos, a sexta-feira 13 é um dia de oração a Deus. Abdul Nasser Abdul, de 44 anos, fala que hoje é um dia sagrado “Para nós, este dia é um dia de reunião e oração. Como para os católicos o dia de reunião é domingo, para nós é na sexta, então hoje não é um dia de azar”, explica o comerciante.

Sorte ou azar, a sexta-feira 13 é cheia de mistérios e tradições, que muitos seguem como um ritual, já para outros o dia acaba passando despercebido. Mas, por via das dúvidas, é melhor não quebrar espelhos, passar embaixo de escadas e evitar o gato preto mas, só por precaução.

Jornal Midiamax